Amigos atiradores de Tiro prático

Posts tagged ‘salvador’

Desmistificando o “DQ” – Red Flag (Quebra de ângulo por marca física)

Amigos Atiradores,

começa agora uma série de posts sobre uma das maiores preocupações de atiradores e R.O.s, a famosa DESQUALIFICAÇÃO ou “DQ”.

O primeiro vai ser sobre o meu primeiro “DQ” – orgulhosamente acontecido neste final de semana em Salvador*, BA na I Etapa do Campeonato Brasileiro de IPSC 2012.

*Agora acreditem em mim, você pode ir até a Bahia e só atirar 5 pistas!!!

Como introdução ao assunto eu peço que todos leiam a partir da página 24 deste link (livro de regras da IPSC em português revisão de 2000) os artigos 10.2 – 10.3 – 10.4 e 10.5. Vou falar mais sobre o artigo 10.3 que trata da Desqualificação da Prova por Infrações de Segurança, mas é essencial para todos saberem todas as regras.

Nós atiradores, iniciantes ou avançados temos preocupação constante com segurança, consequentemente com o “DQ” por quebra de ângulo. Sabemos que o limite máximo de onde podemos direcionar a arma é de 90° para cada lado, respeitando o alinhamento do downrange (parabalas). Isto deve estar bem enraizado na cabeça do atirador SEMPRE e norteia a estratégia de qualquer pista.

Agora, existe um outro tipo de “DQ” por quebra de ângulo! Neste caso é marcado um ponto até onde é possível engajar um determinado alvo, após esta marca física (red flag – pode ser literalmente demarcado com uma bandeira vermelha em tradução literal) tal alvo não pode ser engajado sob pena de uma DESCLASSIFICAÇÃO por quebra de ângulo. Esta quebra de ângulo não necessariamente é de 90° para um dos lados em relação ao parabalas, mas sim e somente em relação à marca física determinada na hora do briefing da pista.

Vamos tomar ainda mais cuidado com a estratégia elaborada para resolver as pistas e aumentar a concentração para não acontecer a desqualificação assim como ocorreu comigo.

Abraços.

Giovanni